Tathiana Pedroso's Blog

pensamentos, educação e arte

Mosaicos Pq. Fernanda 30 de abril de 2013

Filed under: Arte educação — tathianacores @ 19:18
Tags: , ,

 

BeFunky_Instant_1.jpg

No ano de 2012 tive a felicidade de ser encontrada e apresentada para um grupo muito interessante de mulheres do Parque Fernanda, Capão Redondo. A proposta era trabalhar com esse grupo por 6 meses, mas com problemas financeiros por causa das eleições, consegui apenas dois meses de encontros.

O objetivo inicial era juntar as mulheres da região e proporcionar o conhecimento de algo novo para elas trabalharem em casa enquanto cuidavam de seus filhos. Mas ao chegar no lugar e conhecer o espaço, as alunas e o líder comunitário pensei maior: e se conseguisse montar uma cooperativa de mosaicos? Durante todo o encontro eu não deixei de compartilhar essa vontade e deixar claro para as menias que poderia dar certo sim!, era só trabalhar para que isso acontecesse. 

 

 

O encontro ocorria em todas as manhãs de quinta feira por quatro horas. O primeiro passo foi conhecer o material: ferramentas, acessórios e azulejos. Depois de algumas técnicas partimos para a prática! E as meninas arrasaram… Como acabou a história? Não acabou. Uma das alunas, Gisele Roecker, tomou frente da turma e continuaram na criação! Parabéns, meninas. Trabalho lindo e obrigada pela parceria.

Alguns processos:

 

gisele

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Filed under: Arte educação,histórias,Pensamentos... — tathianacores @ 14:35
Tags: , , ,

imagination

Quem conta um conto, respira um ponto

Regina Machado

A arte de contar histórias é uma paisagem com rios, colinas, vales e tesouros embaixo de árvores. Quero falar de um aspecto dessa paisagem que tem a ver com o que acontece muitas vezes quando converso com professores. Alguém me diz: – “Não sei contar histórias, por causa da minha timidez”. Ou: – “É só abrir um livro e ir contando”. Penso que essas falas não têm sentido. Qualquer pessoa pode descobrir um jeito de narrar, vivo e verdadeiro, se passear pela paisagem de uma história. As crianças perguntam ou fazem comentários? É seu modo de participar, não são interrupções. Faz parte da arte da narração saber acolher sua fala “sem perder o fio da meada”. Esse fio é a respiração do conto que nos guia até o fim. E como terminar? Existem muitos finais na tradição popular, é só procurar nos livros dos folcloristas brasileiros. “O que era de vidro quebrou-se, o que era de papel molhou-se, entrou por uma porta, saiu pela outra, o rei meu senhor que lhe conte outra”. E outros que podemos inventar, com estribilhos, um livro que se fecha lentamente, uma pergunta no ar, uma dança que fazemos juntos. É como se guardássemos aquele momento precioso de um modo especial, recolhendo as palavras que acabamos de pronunciar. Para que as crianças saibam que de novo podemos abri-lo, curiosos: que paisagem vamos visitar na próxima história? Assim cultivamos o maior de todos os segredos, um tesouro escondido nas profundezas da paisagem dos contos: quando percorremos uma boa história, passeamos pelos tesouros da nossa paisagem interior. Então ouviremos, caminhando pela história adentro, a nossa verdadeira voz. Mais do que nunca, hoje em dia, precisamos de vozes verdadeiras, que entoem para nossas crianças a cadência universal dos contos tradicionais, sábio sonho de um mundo melhor.

Regina Machado é Professora Doutora da ECA-USP (Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo)

 

No meio ambiente 4 de abril de 2013

Filed under: Arte educação — tathianacores @ 18:59
Tags: ,

Sabe aquele sábado de manhã que você acorda com vontade de fazer uma coisa diferente?

As crianças do bairro Dos Casas, em São Bernardo do Campo,  acordaram para um dia de comemoração. Comemorar o novo espaço que agora elas habitam.

E ficou bem bonito. Olhem só:

Foto1027

Nesse dia minha ação foi bem gostosa. Como o tema do encontro era meio ambiente contei a história da CIDADE QUE NÃO TINHA COR e  engatamos na oficina de reciclagem. Pegamos todos os materiais descartáveis que encontramos e transformamos em lindos vasos. No final colocamos terra e plantamos girassóis!

Foto1028Foto1029Foto1032Foto1030Foto1034